segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Extravagance d' Amarige - Givenchy

Tive o Extravagance no fim dos anos 90. Deixou saudades... lembro de um floral pesadinho, pungente, ultra fixante (apesar de ser EDT), envolvente... bem no estilo dos florais que eu gosto. O frasco era bem bonitão, mas um tanto instável, era mais pesado na parte superior, tomei vários sustos com quedas, mas nunca quebrou (ainda bem!). Era esse aí:




Extravagance era o tipo de perfume que deixava rastro, que impregnava o travesseiro, a roupa do namorado... tenho essa lembrança também do Poême de Lâncome e do Champs Elysées de Guerlain, que foram perfumes que usei também na mesma época.

Extravagance foi lançado em 1998 (sete anos depois do Amarige), criado por Michel Girard, perfumista que criou Burberry Touch e Tender Touch, entre outras criações.

Vamos às notas:

Saída: mandarina, pimenta rosa, tagete e folhas de violeta, urtiga e cravo
Coração: flor de laranjeira, morango silvestre, wistéria e jasmim
Base: íris, âmbar, sândalo, morango silvestre (de novo!) e cedro

A saída era discretamente cítrica, apimentada. Evoluía para um floral quente, abafado pela pimenta. Sentia bastante cravo, flor de laranjeira e sândalo, Para mim o Extravagance vintage era basicamente isso. Não sentia resquício nenhum de morango silvestre. Tratava-se de um floral sensualíssimo, envolvente e impregnante. Delicioso.




Para variar, tudo (ou quase tudo!) que eu gosto é descontinuado e o fato não foi diferente com o Extravagance. Passei um tempo guardando o frasco só pra matar a saudade do cheirinho dele, até que a Givenchy lançou em 2007 a coleção Les Perfums Mythiques, reproduzindo alguns de seus maiores sucessos que foram descontinuados. Meus olhinhos brilharam quando ví Extravagance, Organza Indecence, L'Interdit, entre outros.

Aguardei uma promoção decente e "me joguei" no Les Parfums Mythiques - Extravagance. Minha alegria durou pouco... as diferenças iam além da mudança do frasco e embalagem.




Surpresa desagradável: reformularam o  Extravagance!!! Como tiveram coragem???

Continua gostoso, mas toda aquela pungência foi-se embora. O floral sensual, apimentado, abafado pelo sândalo, foi substituído por um floral luminoso, bem mais leve e menos denso. Que coisa triste. A alma está lá, mas o encanto se foi...

As notas pós reformulação:

Saída: cravo e tangerina
Coração: flor de laranjeira e jasmim
Base: âmbar e notas amadeiradas

O "novo" Extravagance é bem mais cítrico, limpo, leve. Bom para usar na primavera/verão. A fixação é razoável, 4 a 5 horinhas mantém-se dignamente presente.O anterior carregava toda aquela riqueza floral opulenta, densa, típica dos anos 80/90 e em termos de fixação era incomparável, durava tranquilamente até o dia seguinte, deixando aquele cheirinho morno e sensual.

Les Parfums Mythiques - Extravagance é um bom perfume, tem seus predicados. Iria amá-lo se não tivesse conhecido a versão vintage, de 1998...

But, como já dizia a ditado: "quem não tem cão caça com gato" - o que não é problema nenhum para mim, não é mesmo?




Boa semana à todos!

7 comentários:

  1. Pode comentar neste post?

    Eu adorei a resenha, Ju! Sempre quis conhecer esse perfume e não imaginava que ele também tinha sido reformulado. Que pena...Isso só pode ser uma adequação às características do mercado pós anos 90. Tudo era tão over...mas algumas coisas fazem falta...

    ResponderExcluir
  2. Com certeza Li! Foi o que aconteceu (infelizmente) com o Extravagance... uma pena, toda aquela pungência me agradava, era um perfumão...

    ResponderExcluir
  3. O mal das reformulações... Imaginei o Extravagance! Como eu gosto dos perfumes desta época, esses florais opulentos e sensuais... será que um dia voltam 'a ser moda'?

    ResponderExcluir
  4. Ah Diana nem fale... tenho medo de só existir água de batata no futuro... quase todos meus queridos foram descontinuados, os que não sumiram do mapa foram reformulados... que coisa triste (e preocupante!).

    ResponderExcluir
  5. Oi Ju! Há tempos busco informações sobre o Extravagance...porque eu sabia que tinha sido descontinuado, mas como vi esta versão em nova embalagem...até pensei em comprar...mas agora desilusão total..alteraram a fórmula. Eu tinha este perfume e é meu preferido. Encontrei alguns anúncios dele em embalagem original, mas não confio muito nos sites. Você já comprou em quais sites de perfumes importados? Eu só comprei no Sephora. Vamos fazer uma campanha para este perfume voltar...original, claro! Bju

    ResponderExcluir
  6. Oi Dani! O antigo comprei em uma loja física, mas isso foi nos anos 90, o novo comprei na Cheiro Vip, mas você encontra facilmente em lojas virtuais estrangeiras. Se você era apaixonada pelo antigo, tente o novo. São parecidos, mas o novo é mais aguadinho. Bjo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ju! Vou tentar o novo e se você souber qualquer novidade sobre o antigo, posta pra gente!!! Obrigada! Bjuuu

      Excluir